MMASC celebra Dia Internacional dos Museus

16 Maio, 2016

Sob o tema “Museus e paisagens culturais”, celebra-se a 18 de maio o “Dia Internacional dos Museus, que o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso (MMASC) vai assinalar com entradas grátis e um diversificado programa à volta da efeméride.

Assim, entre 16 e 18, o MMASC vai oferecer aos alunos do 1º e 3º anos do 1º ciclo do ensino básico do Município várias sessões por dia do espetáculo/performance “Amadeo convida… a vir ao Museu”, uma criação da Filandorra-Teatro do Nordeste, feita a partir da obra de José Jorge Letria “Amadeo e o mundo às cores”

Tendo como fio condutor a figura de Amadeo, do nascimento até à morte, a representação é construída a partir de uma fada/metáfora "com cabelos da cor do arco-íris" que apareceu ao pintor "no dia em que veio ao mundo, no frio Novembro de Manhufe", desenrolando-se em dramatizações de vários quadros da coleção do MMASC e da vida do autor. A “visita” tem o seu ponto alto na sala Amadeo, onde é dramatizada a criação do quadro Canção Popular e o Pássaro do Brasil.

 

Noite dos Museus a 20 de maio

Na noite de 20 de maio, o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso abre-se para nova performance da Filandorra, de título “Amadeo e a inquietação pelas paisagens de Manhufe, Amarante e Marão”.

A encenação é construída a partir de fragmentos biográficos descritos no romance “Amadeo” de Mário Cláudio (obra com que o escritor foi distinguido, em 1984, com o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores) e assentará numa revisitação lúdico-cénica e musical alimentada por projeção de traços/imagens das obras do autor que reportam a cinco referências da paisagem cultural das terras de Amadeo: os verdes das vinhas verdes (quadro1), a cozinha da casa de Manhufe (quadro 2), a procissão do Corpus Christi de Amarante (quadro 3), as violas amarantinas (quadro 4), a Canção Popular e o Pássaro do Brasil (quadro 5).

Quem, a 18 de maio, visitar (gratuitamente) o MMASC vai poder tomar contacto com a arquitetura do edifício, com a sua exposição permanente, onde pontificam os nomes de Amadeo e António Carneiro, e ver a mostra de Mário Vitória “Lucubrações para as partes mais vulneráveis da matéria”, na sala de exposições temporárias.

O “Dia Internacional dos Museus” foi criado a 18 de maio de 1997 pelo ICOM - Conselho Internacional de Museus. O tema proposto para 2016 é “Museus e paisagens culturais”, considerando a Direção Geral do Património Cultural que “a atenção para as paisagens culturais pode ser exercida em diferentes níveis, nomeadamente através da sensibilização das comunidades para o papel interventivo que podem desempenhar na conservação e valorização de universo patrimonial tão vulnerável”.

 

 

Loja do MMASC aberta também às segundas-feiras
10 Dezembro, 2018

Embora o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso (MMASC), em Amarante, esteja encerrado às segundas-feiras, a sua loja manter-se-á aberta naqueles dias da semana, a 10 e a 17 de dezembro.

O ...

TAP homenageia Amadeo de Souza-Cardoso e surpreende passageiros a bordo de avião homónimo
15 Novembro, 2018

A TAP assinalou a 14 de novembro o aniversário de nascimento de Amadeo de Souza-Cardoso, com a oferta de um kit, com produtos referentes às suas obras, a todos os Passageiros que viajaram no avi&atild...

Amadeo e o Mundo às Cores de José Jorge Letria
14 Novembro, 2018

No ano em que se assinala os 100 anos do desaparecimento de um dos rostos mais versáteis da pintura portuguesa, Amadeo de Souza-Cardoso, a Filandorra – Teatro do Nordeste estreia, a 14 de novembro (dat...

por thesign

VISITAS / CONTACTOS

Alameda Teixeira de Pascoaes
4600-011 Amarante - Portugal
+351 255 420 282 (Atendimento/Receção)
+351 255 420 272 / 238
mmasc@cm-amarante.pt

| Política de Privacidade

| Termos e Condições