MANUEL BENTES

1885-1961

Biografia
Natural de Serpa, Manuel Bentes, estudou em Lisboa e partiu para Paris, com Eduardo Viana e Manuel Jardim, em 1905, cidade onde permanecerá, com intervalos, até 1938. Aí trabalhou em artes gráficas. Foi um dos organizadores da Exposição Livre de 1911, em Lisboa, evento que constituiu um marco na instauração do modernismo. Trabalhou num ateliê instalado em dependência do Museu Nacional de Arte Antiga. Foi conservador da área de pintura do Paço de Vila Viçosa.
O que ficou da sua obra destruída permite avaliar uma tentativa incipiente de escapar ao naturalismo e ao academismo, pela adopção de traços de Cezannismo, facetando superfícies, nas paisagens e nas naturezas mortas que realizou. Pela sua actividade de “animador” da Exposição Livre tem lugar firme na história da arte portuguesa do século XX.

 

Voltar

por thesign

VISITAS / CONTACTOS

Alameda Teixeira de Pascoaes
4600-011 Amarante - Portugal
+351 255 420 282 (Atendimento/Receção)
+351 255 420 272 / 238
mmasc@cm-amarante.pt

| Política de Privacidade

| Termos e Condições