LEOPOLDO DE ALMEIDA

1898-1975

Biografia
Natural de Lisboa, onde estudou e onde viria a tornar-se professor da Escola de Belas-Artes a partir de 1934. No final do curso estudou, como bolseiro, em França e Itália, tendo chegado a expor em Roma. Dedicou-se à escultura e à cerâmica. Foi contemporâneo dos salões modernistas e participou no Salão dos Independentes de 1930. É autor de diversos monumentos públicos, em Lisboa, em Santa Comba, para a Exposição de Nova Iorque, a escritores portugueses para Lisboa e para o Porto (Ramalho Ortigão), estes já em plenos anos 50 do séc. XX  e a Calouste Gulbenkian em 1965. Da segunda geração de artistas modernos, definida por José Augusto-França, é autor da célebre estátua da “Soberania” e do “Padrão dos Descobrimentos”, ambos concebidos para a Exposição do Mundo Português de 1940. Foi um dos mais produtivos estatuários portugueses que, tendo começado modernamente com algumas peças de gosto “Déco”, viria a encaminhar-se para uma correcção académica, até clássica, bem entendida e aceite pelo gosto oficial do Estado Novo e não só.

 

Voltar

por thesign

VISITAS / CONTACTOS

Alameda Teixeira de Pascoaes
4600-011 Amarante - Portugal
+351 255 420 282 (Atendimento/Receção)
+351 255 420 272 / 238
mmasc@cm-amarante.pt

| Política de Privacidade

| Termos e Condições